17.3.16

My Fit Self Challenge | Todas as [pequenas] vitórias merecem ser celebradas!


Seis meses passaram desde o dia em que levei um daqueles choques da realidade tão grandes que quase me dava uma coisinha má. Foi em Setembro que me apercebi que algo de muito errado se andava a passar comigo e que finalmente tinha chegado a altura de pôr um ponto final nessa situação. A minha avó morreu, sim foi uma merda ela ter morrido sem que eu tivesse a oportunidade de me despedir dela. Assim como também foi uma merda o facto de ela ter morrido sem que eu lhe tivesse dito que tudo estava bem entre nós. Sim, demorou muito tempo a perdoar-me pelo que não fiz por ter achado que havia tempo, mas também foi uma autêntica merda o facto de ter começado a comer porcaria atrás de porcaria para preencher vazios que por mais que fossem alimentados continuavam exactamente iguais. 

O calendário marcava o mês de Setembro de 2015; a minha balança marcava 69kg e os meus olhos não gostavam do que começavam a ver em frente ao espelho. Não sei ao certo como aconteceu, mas acredito que o processo de cura foi iniciado bem antes de eu ter dado conta dele. Em Setembro disse "BASTA!". Não pensei duas vezes e inscrevi-me no ginásio. Comecei uma reeducação alimentar. Deixei de ter doces em casa passando apenas a ter bolachas tipo Maria porque sabia que a essas conseguia resistir e que não me daria vontade de comer o pacote inteiro em tempo recorde. Passaram seis meses e ainda não voltei a ter nenhuma recaída, isto é. ainda não me deu para sair de casa, enfiar-me num qualquer supermercado e trazer para casa um sem número de chocolates e sentar-me no sofá a come-los como se fosse a coisa mais natural do mundo. Seis meses passaram desde que decidi que era altura de fazer as pazes comigo mesma e com a minha avó. Já não choro às escondidas, já não como às escondidas, já não me sinto vazia nem miserável. Voltei a ser feliz comigo mesma e aceitei o facto de que a minha avó ter morrido foi mesmo uma grande merda, mas percebi que ninguém escolhe a altura em que morre e que certamente de uma forma ou de outra ela deve ter percebido que tudo estava bem entre nós mesmo que eu não lho tivesse dito. 

Seis meses passaram e cinco quilos já foram à vida e um desses quilos foi perdido durante o My Fit Self Challenge (yay!). Pode parecer muito para alguns e pouco para outros. Afinal de contas nem um quilo por mês foi, mas para mim tem sido uma vitória atrás de vitória. A cada semana noto que algo no meu corpo mudou e que aos poucos se está a tornar naquilo que um dia foi e o facto de durante todo este processo não ter tido uma vontade louca de comer chocolates nem ter ganho peso já é o suficiente para me deixar super feliz e orgulhosa de mim mesma. 

15 comentários :

  1. Parabéns! E deves mesmo sentir-te orgulhosa, é uma grande vitória :D

    ResponderEliminar
  2. Muitos parabéns.
    Pequenas vitórias são melhores do que nenhumas.
    Aguardo mais vitórias :)

    Beijocas

    ResponderEliminar
  3. Isso é mesmo uma vitória. E os primeiros 30 dias são mais propícios a recaídas, porque são necessários 30 dias para criarmos um hábito. Por isso Parabéns =)

    ResponderEliminar
  4. slow progress is better than no progress. Keep going!

    ResponderEliminar
  5. É mesmo assim! Aos poucos vais conseguindo e o importante é não desistires. Força!

    ResponderEliminar
  6. Parabéns! Adoro ver testemunhos de pessoas que estão a conseguir =)

    ResponderEliminar
  7. Parabéns!!! Agora é só continuar (=

    ResponderEliminar
  8. Fico super feliz por ti Raspberry, não só pela mudança física mas também pela psicológica que é tão ou mais importante :) Parabéns!!

    ResponderEliminar
  9. Sinto muito a tua perda, e fico feliz que já te tenhas perdoado :) Eu no espaço de ano e meio perdi qualquer coisa como 10 quilos e posso garantir-te que o processo de reeducação alimentar é lento mas eficaz. Além de que o corpo precisa de cerca de dois anos para se restabelecer de perdas de peso grandes, por isso se perdesses peso muito depressa o mais provável era voltares a engordar facilmente. Boa sorte para o resto do desafio :)

    ResponderEliminar
  10. Antes de mais, parabéns :) Eu também usava os doces como forma de preencher vazios emocionais. A fase do dia mais crítica era à noite, antes de me deitar. Um dos objectivos a que me propus no My Fit Self Challenge foi, precisamente, deixar de comer porcarias antes de dormir. Até agora tenho conseguido!

    ResponderEliminar
  11. Força e celebra cada pequena vitória porque acho que ajuda bastante.:)

    beijinhos
    Another Lovely Blog!, http://letrad.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  12. Fico tão feliz por ti! Por te sentires melhor contigo própria em todos os sentidos. E sim, deixar de ter doces e batatas fritas em casa é um passo super importante que muita gente desvaloriza. Se não temos, não comemos.

    ResponderEliminar
  13. Parabéns!!! Força de vontade é tudo e tu tens que chegue. Quando começamos a ver resultados... nem há palavras para descrever a sensação :)

    ResponderEliminar