27.6.15

Livros | Torn

 


Reilly Steel adora desafios e não há dúvida nenhuma de que este será um deles. Vários cadáveres encontrados num curto espaço de tempo, em cenários diferentes e complexos. Primeiro um policia que é encontrado num armazém abandonado afogado num tanque com cubos de gelo, mais tarde um jornalista encontrado na sua própria fossa céptica e ainda um médico crucificado ao pé de uma Igreja. Nenhuma das mortes parece ter sido realizada à pressa, muito pelo contrário e se no inicio não fica claro se se trata de um ou de vários homicidas depressa se chega à conclusão de que é apenas um. Um serial killer que parece não só escolher as suas vítimas a dedo como também parece saber exactamente como irá matar a sua próxima vítima. Porém, como encontrar um homicida que muda constantemente o seu modus operandi e que não comete nenhum deslize?

Sem pistas e aparentemente sem nada que ligue todas estas mortes umas às outras os investigadores encontram-se em desespero. Irá ser uma investigação que os levará ao limite e que irá colocar em causa as capacidades não só da investigadora forense Reilly, mas também de toda a sua equipa. Serão eles capazes de solucionar este crime e de encontrarem o verdadeiro culpado? Existirá alguma ligação entre as vítimas? Se sim, qual?


Quanto a mim só posso dizer que realmente gostei de ler este livro. Há muito tempo que não lia Policiais e ler Torn só me fez perceber que deveria ler mais vezes este género de livros pois quando são bons prendem-me de tal maneira que só descanso quando chego à última página. Ao contrário de muitos livros deste género não ficamos a suspeitar do autor do crime logo nas primeiras páginas, aliás eu só comecei a lançar as minhas suspeitas quando já ia a meio e no final o que aconteceu? Estava errada e quando o assunto é livros não me importo nada de estar errada, aliás adoro ser surpreendida. Principalmente se for pela positiva.

Contudo, ao fim de algumas páginas apercebi-me que este livro era a continuação de um anterior e mesmo não sendo obrigatório ler o primeiro para se perceber o segundo visto que os casos que tratam são diferentes mantendo apenas a personagem principal - Reilly Steel - fiquei deveras curiosa e pretendo ler o primeiro e o terceiro que entretanto já foi publicado o mais rápido possível.

A titulo de curiosidade resta-me dizer-vos que Casey Hill - o autor do livro - é um pseudónimo e que não existe um, mas dois autores do livro. Sim, são dois! E são casados. Chamam-se Kevin e Melissa Hill.

Autores: Casey Hill
Número de Páginas: 390
A minha classificação: «««««

3 comentários :

  1. Não conhecia,
    Excelente review :)


    http://princesasemtiara.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  2. Não leio policiais há imenso tempo e tenho a casa cheia deles porque a minha mãe adora :) Fiquei com vontade de ler este!

    Isa,
    http://isamirtilo.blogspot.pt/

    ResponderEliminar