25.2.15

Sociedade | "Estavas mesmo a pedi-las"

Mais do que me irritar incomoda-me ouvir alguém a comentar uma notícia de uma mulher que foi vitima de violação dizendo que ela estava mesmo a pedi-las. Incomoda-me porque não consigo compreender como é que essa pessoa consegue imaginar um possível cenário onde a mulher pede para que as suas roupas sejam rasgadas, para que as suas pernas sejam abertas e que seja violentamente violada por um (des)conhecido que se achou no direito de usar, maltratar e violar o corpo de outra pessoa. Irrita-me porque dizer que uma vítima de violação estava mesmo a pedi-las é colocar a culpa na vítima e justificar aquilo que é injustificável. Ninguém tem o direito de se aproveitar do corpo de outrem; ninguém tem o direito de violar o corpo e a alma de outra pessoa; ninguém tem o direito de fazer o que bem lhe apetecer com o corpo de outrem sem o devido consentimento e não, o modo como a vítima estava vestida ou o modo como a vítima se veste diariamente nunca por nunca pode servir de justificação para tal acto! 

Dizer que a vítima de abuso sexual estava a pedi-las é maltrata-la ainda mais do que aquilo que ela já foi. Dizer que a vítima estava a pedi-las é tirar-lhe a voz ou nunca pensaram no número de casos que deve existir por este mundo que nunca foram denunciados não só por medo do abusador, não só por vergonha, mas também por saberem que existe a possibilidade de ouvirem da boca de quem deveria ajuda-las um "estavas a pedi-las"?

Dizer à vitima de abuso sexual que estava mesmo a pedi-las não só é estúpido como também é desumano e prova de que quem o diz mais não é do que uma pessoa ignorante e pobre de espírito. 


[Não se esqueçam que podem continuar a fazer as vossas perguntas, até à próxima sexta-feira, nesta publicação.]

11 comentários :

  1. Totalmente de acordo e nada tenho a acrescentar. Quem diz isso às vítimas só me transmite uma coisa: nojo. Fico com o estômago às voltas quando oiço histórias de violações e quando sei que disseram «estavas a pedi-las» à vítima só me apetece ir esmurrar as pessoas e castrar o violador!

    ResponderEliminar
  2. Isso é só gente ignorante -.- essas pessoas são as mesmas que dizem que um gay merece uma carga de porrada só porque é gay

    ResponderEliminar
  3. Concordo contigo! Há pessoas mesmo ignorantes.

    ResponderEliminar
  4. Finalmente alguém que diz exactamente o que eu penso! Infelizmente temos tendência a desculpabilizar os vândalos e a culpabilizar as vítimas em quase todos os campos sociais. No caso da violação é mais flagrante por ser ainda mais grave e ridículo

    ResponderEliminar
  5. Não podia concordar mais contigo.. Ninguém tem a ver com que as pessoas vestem, e a maneira de vestir de alguém não é e todo pedir para ser violada

    ResponderEliminar
  6. Coloquei essa imagem há algum tempo no meu blogue também. Esse tipo de comentários além de me deixar perplexa deixa-me muito enjoada e com mau feitio.

    ResponderEliminar
  7. Se «calçassem os sapatos» da vítima, não diriam tanta (desculpa-me a expressão...) porcaria.
    É sempre tudo tão fácil quando se está fora da situação, é tão fácil falar e julgar.
    Difícil é tentar perceber e colocar-se no lugar de quem realmente está a sofrer dores inimagináveis.
    Concordo a 200% com o que disseste!

    ResponderEliminar
  8. Estou totalmente de acordo contigo! Nem sequer consigo imaginar o que essas mulheres passam!

    ResponderEliminar